Carros

Saiba quais são os 7 carros clássicos mais procurados

saiba-quais-sao-os-7-carros-classicos-mais-procurados.jpeg
Escrito por Webclassicos

O mercado de carros clássicos não para de crescer no Brasil. Atualmente, muitas pessoas descobriram o prazer de comprar e dirigir modelos que fizeram história na indústria nacional e jamais tiveram substitutos à altura.

Se você quer entrar na brincadeira, chegou a hora de saber quais são os sete carros clássicos mais procurados e valorizados por colecionadores em todo o país. Confira:

1. Opala

Um dos maiores ícones da indústria nacional, o Opala foi lançado em 1968 e saiu de cena em 1992, deixando um legado composto por várias versões e motorizações diferentes.

Versátil, o Opala agrada tanto àqueles que gostam de luxo e sofisticação quanto aos que apreciam potência e velocidade. A versão perua, Caravan, também é bastante procurada, mas não chega a ter o mesmo apelo.

O esportivo Opala SS é um dos modelos mais cultuados, verdadeiro objeto de desejo entre os fãs desse lendário modelo da Chevrolet.

2. Kombi

Lançada no Brasil em 1958, a “velha senhora” prestou serviços aos brasileiros por 53 anos até sair de linha no final de 2011. Com a obrigatoriedade de instalar air-bags e freios ABS nos veículos nacionais a partir do ano seguinte, a produção da Kombi tornou-se inviável.

Depois de brilhar nos anos 1960 como símbolo do movimento hippie contra a ditadura militar, a Kombi se transformou na principal parceira de trabalho do povo brasileiro.

Usada em construções, fretes, indústrias e até mesmo como carrinho de comida de rua, a perua da Volkswagen atravessou os anos baseando-se na resistência de seu motor boxer e na confiabilidade do chassi alemão.

3. Fusca

Nascido na Alemanha durante a Segunda Guerra Mundial, o Fusca chegou ao Brasil como um carro simples, feito para as camadas mais pobres da sociedade. Virou uma das grandes estrelas da indústria nacional, com mais de três milhões de unidades vendidas até 1996, quando saiu de linha definitivamente.

Prático, de manutenção barata e extremamente fácil de dirigir, o Fusca agradou a motoristas de todas as idades, estaturas e gostos. Hoje em dia, é um dos carros mais procurados por colecionadores.

Atualmente há uma versão do Fusca em produção pela Volkswagen, mas trata-se de um veículo de luxo que em nada lembra o projeto original. É apenas uma homenagem.  

4. Passat

Nascido como um modelo esportivo, o coupé da Volkswagen tem uma legião de fãs espalhados por todo o país.

As belas linhas do carro conquistaram os jovens das décadas de 1970 e 1980, que queriam um carro espaçoso, potente e que chamasse a atenção.

O Passat foi produzido até 1989.

5. Maverick

Derivado dos muscle cars americanos, o Maverick teve vida curta no país. Seu motor V8 bebia muita gasolina, e a crise do combustível nos anos 1980 ajudou a abreviar a sua produção.

Isso não o impediu de fazer muito sucesso e tornar-se um clássico instantâneo, procurado por muitos colecionadores.

6. Rural Willys

Lançada em 1958, a Rural Willys desperta a nostalgia dos colecionadores mais velhos, que se lembram do valente jipinho rodando pelas estradas de terra do Brasil.

É um carro difícil de ser encontrado e, por isso mesmo, muito valorizado por colecionadores.

7. Gordini

Derivado do Renault Dalphine, o Gordini foi o primeiro carro de muita gente na década de 1960. Justamente por isso é um modelo bastante valorizado por colecionadores de todo o país.

E aí, qual a sua lembrança desses carros clássicos da lista? Participe deixando o seu comentário ao final do post! 

Sobre o autor

Webclassicos

Daniel Farkuh é publicitário e paulistano. "Curitibano" desde o ano 2000, ocupou cargos executivos no Marketing da indústria automobilística por mais de 10 anos. Atuou em grandes montadoras de veículos, como Volkswagen, Renault e Nissan. Em 2010, uniu sua experiência em marketing e veículos para criar um negócio baseado em suas duas grandes paixões: veículos e internet. Assim nasceu o webclassicos.com.br, site de classificados exclusivos para veículos com mais de 10 anos de fabricação, que foi ao ar em março de 2011.

Deixar comentário.

Share This
Navegação